Olá! Mulheres é assim que vou chamar vcs hoje de Mulhres com "M" MAIÚSCULO !
Estou compartilhando e indicando este filme para vcs assistir como eramaos tratada antigamente como se fossemos sabeeeeee! Não tenho nem palavras para dizer o que! Por que vem muitas coisas em minha mente mais quero dizer a vcs, que ainda hoje em pleno século XXI , Ainda existe homens que tratam mulhres assim pensando que não existe lei e os direitos das mulheres alguns homens acham que mulheres tem que ser chamada e vista de uma simples mulher do lar.Você é a mulher da casa vc tem que fazer e cuidar da sua casa porque vc é do lar!
Nossa!!! esse cara ficou parado no tempo!!! Onde está escrito que nós mulheres tem obrigação de fazer isso e aquilo por que somos donas de lares só servimos pra isso pra da conta da casa, não temos o direito de reclamar de ir contra as opiniões deles por que estamos erradas, Gente hoje as tarefas tem que ser dividas entre um casal chega de a mulher ser vista que só ela tem obrigação de fazer as coisas em casa por que a responsabilidade da casa é dela só dela, como que pode isso são inumeras ainda mulheres que se sentem reprimidas por muitas coisas ainda, até de usar maquiagem por que maquiagem e de "PUTA".

AI GENTE!!!! NÃO SEI SE TENHO ÓDIO OU RAIVA DISSO!!!

Não recomendado para menores de 14 anos 
No início do século XX, após décadas de manifestações pacíficas, as mulheres ainda não possuem o direito de voto no Reino Unido. Um grupo militante decide coordenar atos de insubordinação, quebrando vidraças e explodindo caixas de correio, para chamar a atenção dos políticos locais à causa. Maud Watts (Carey Mulligan), sem formação política, descobre o movimento e passa a cooperar com as novas feministas. Ela enfrenta grande pressão da polícia e dos familiares para voltar ao lar e se sujeitar à opressão masculina, mas decide que o combate pela igualdade de direitos merece alguns sacrifícios.






Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

LOJA LOVES MAKE UP DE MADUREIRA/RJ PARTICIPA DA CAMPANHA BATOM VERMELHO

NÃO TIRE SEU BATOM VERMELHO!